A 35.ª jornada da Ledman LigaPro joga-se este domingo no Algarve contra o Portimonense, um adversário “poderoso” que não intimida Litos. Na antevisão à partida, o técnico do Oriental destacou que no reduto de um dos candidatos à subida “só a vitória interessa” ao conjunto grená e branco e apontou a "concentração” dos seus atletas como chave para alcançar os três pontos.

“Estou confiante que podemos fazer um bom resultado apesar das dificuldades que iremos encontrar. É certo que teremos que estar concentrados do primeiro ao último minuto, mas nada nos tira a ambição de vencer. O Portimonense é uma equipa poderosa com jogadores tecnicamente evoluídos, um Clube que tem apostado forte nas últimas épocas para regressar à Primeira Liga, mas perante a nossa situação em termos classificativos temos que correr os riscos inerentes à ambição de ganhar que nos acompanha”, frisou. 

 
 
  Litos não esconde o “desgaste” que este ciclo de dois jogos por semana cria à equipa e acredita que as três semanas de trabalho como treinador têm sido positivas para o processo de assimilação contínua dos seus princípios por parte dos jogadores. Na verdade, a posição do Oriental na tabela classificativa já podia ser diferente nesta altura tivessem os pormenores dos últimos três jogos decorrido de outra forma.

“Com o trabalho diário vamos conhecendo melhor os jogadores e tirando o melhor proveito das suas capacidades, assim como eles também começam a interiorizar o nosso pensamento em relação ao jogo. Não fomos felizes nos últimos jogos, houve momentos que não nos deixaram ir mais além. No encontro com o Gil Vicente quando já tínhamos feito um golo e estávamos bem no jogo tivemos a infelicidade da expulsão do Amorim. Em Faro tivemos inúmeras oportunidades para fazer golo e não concretizámos. Com o Braga B podíamos ter matado o jogo no último segundo e houve a infelicidade do penalti, apesar de o guarda-redes ter feito uma grande defesa. Se tivéssemos tido uma pontinha de sorte nestes momentos estaríamos numa posição bem melhor, o que também galvanizaria o grupo de trabalho e os adeptos. Espero que essa estrelinha possa ainda aparecer para nós também”, atirou.

Quanto à sua passagem como treinador do Portimonense, emblema onde conquistou a subida à Primeira Liga na época 2009/2010, Litos admitiu ter tido a “felicidade de treinar” o emblema algarvio mas realçou que o presente passa exclusivamente pelo Oriental.

“O Portimonense é um Clube que me diz algo, mas as coisas estão separadas. O meu objetivo para amanhã é fazer o melhor resultado em Portimão, é essa a minha responsabilidade enquanto treinador do Oriental. Agora é esta a minha casa e tudo farei em conjunto com os meus jogadores para regressar a Lisboa com a vitória”, concluiu.

Recorde-se que decorridas 34 rondas da Ledman LigaPro o Oriental se encontra na 23.ª posição da tabela classificativa com 33 pontos, ao passo que o Portimonense ocupa o 6.º lugar com 54 pontos. O duelo entre as duas formações joga-se este domingo, 13 de Março, no Estádio Municipal de Portimão a partir das 15h00.